Orientação Pedagógica

Publicidade

Orientação Pedagógica da Escola de Mestres

Mestrado em Engenharia de Produção da UFF

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

Para entrar em contato com o autor, clique aqui, por favor.

 

     O artigo abaixo foi escrito em 2011. De lá para cá a organização do mestrado na UFF parece ter melhorado bastante, oferecendo, agora, inclusive, provas anteriores para treinamento.  

 

Link para a página da UFF com algumas provas anteriores: http://www.producao.uff.br/index.php/prova-e-gabarito 

 

Tenho recebido vários alunos nos últimos anos que me procuram para se prepararem para a prova de acesso aos cursos de Mestrado em Engenharia de Produção da Universidade Federal Fluminense.

Devo confessar que as seleções para os mestrados em Engenharia de Produção na cidade do Rio de Janeiro são, no mínimo, estranhas. Estou usando a palavra “estranhas” por pura educação. Não me aprofundei suficientemente no assunto para fazer um comentário rubusto, não conheço as pessoas envolvidas nestas bancas e não gostaria de, eventualmente, acabar ofendendo profissionais com vida acadêmica fértil e íntegra. Entretanto, em todos os casos com que me deparei, os programas oferecidos para estudo (quando existe um programa) possuem pontos cegos onde o avaliador pode: ou colocar qualquer tipo de questão, sobre qualquer assunto, ou  o avaliador atribui um nome muito particular a um determinado escopo que está na cabeça dele e o aluno precisa de alguma forma “adivinhar” o que se encontra delimitado pelo escopo proposto.


Uma maneira de minimizar os danos causados por programas pouco precisos seria publicar as provas anteriores aplicadas. O aluno olharia as provas e deduziria conteúdo e profundidade das questões propostas. Ocorre que publicar provas anteriores parece que é um tabu entre estas as bancas de mestrado no Rio de Janeiro. O caso mais benevolente que já vi foi a UFF, que publica uma única prova (sempre a mesma) há anos.

O objetivo deste artigo, entretanto, não é desmerecer cursos e profissionais envolvidos. Tampouco é formalizar uma crítica a estes processos de seleção. Para fazer isso, deveria elencar os cursos, as suas características, comparar com outros de outras áreas... Enfim. Não quero ter este trabalho. Portanto, se alguém tiver algo a acrescentar, faça-me o favor de comentar este artigo (abaixo) ou, se for responsável por uma das bancas envolvidas e desejar esclarecer algo, que me envie o texto que eu publico.

Estou fazendo um artigo sobre o concurso da UFF, especificamente, porque acredito que para este caso tenho como ajudar os alunos a se prepararem melhor para as questões que lhes serão propostas. A metade das questões da primeira prova, segundo o que eles apregoam, costuma ser de “suficiência lógica”. Se você procurar no Google por este termo terá muitas dificuldades para achar qualquer coisa parecida com as questões propostas por eles.

Para amenizar o desespero de alguns alunos, resolvi fazer uma pesquisa por onde eu já suspeitava que seria a fonte daquele tipo de questão: as provas de acesso aos cursos de pós-graduação de fora do país, especialmente o GMAT.

Depois de passar muitas horas garimpando na Internet achei um vasto material que pode ajudar o aluno perplexo a se preparar para o concurso de acesso da UFF. São apenas questões, todas em inglês - o que não pode ser um empecilho para o aluno, porque uma das provas ao mestrado é de inglês -, com gabarito. Se o aluno entender como funciona uma questão, entenderá como funcionam todas. A partir deste ponto será só associar o conteúdo - que normalmente envolve apenas problemas vistos até o 9º ano fundamental - ao modelo de questão proposto.

Para quem deseja se aprofundar no assunto, procure por “data sufficiency questions”.

Deste vasto material separei alguns pdfs para publicar aqui:

Espero ter ajudado.

Lista de Suficiência Lógica (Data Sufficiency) - 1
Lista de Suficiência Lógica (Data Sufficiency) - 2

Deixe seus comentários

0 / 1000 Character restriction
Your text should be in between 10-1000 characters
termos e condições.

Pessoas nesta conversa

  • Convidado (Hélida)

    Muito legal a sua atenção com essa questão. Tenho 46 anos, faltam dois anos para me graduar em Engº Produção e estava perdida, pois busco dar aulas.
    Obrigada!

  • Muito legal a sua atenção com essa questão. Tenho 46 anos, faltam dois anos para me graduar em Engº Produção e estava perdida, pois busco dar aulas.
    Obrigada!

    Ok, Hélida.
    Fico feliz por ajudar.
    Agradeço o retorno.
    Abraço.

  • Convidado (Gilson)

    Gostei Muito! me demostrou domínio!

  • Convidado (Beatriz B.)

    Olá, Hélida
    Interessante seu comentário, eu acredito que eles deveriam informar as matérias como num edital de concurso.

    Você indicaria algum livro? Algo como matemática ou racioncínio lógico para concursos ajudaria?
    Agradeço desde já


  • Você indicaria algum livro? Algo como matemática ou racioncínio lógico para concursos ajudaria?
    Agradeço desde já

    Alguns alunos me relataram que, das duas provas que são aplicadas anualmente, somente uma possui a estrutura acima, com as Data Sufficiency Questions. A outra é uma prova, de velocidade, de aritmética básica (o que você chama de raciocínio lógico).

    Sim, qualquer curso de raciocínio lógico irá ajudar. No caso do modelo abordado neste artigo, entretanto, você precisará de bem mais que isso. Procure estudar álgebra básica (polinômios, fatoração etc) e aritmética dos inteiros também.

    Não. Não tenho um bom livro para isso. Ou os livros são muito profundos, ou muito superficiais. Você vai ter que garimpar, mesmo.

  • Convidado (Emanuele)

    Boa tarde!

    Estou em busca de prova anteriores do Mestrado da UFF, porém não encontrei, pode me sugerir locais de pesquisa?
    Obrigada desde já